CultSP Pro impulsiona a indústria criativa no estado





Iniciativa reestrutura as oficinas culturais e oferecerá formação e qualificação, por meio de percursos formativos



A Secretaria de Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (22) a reformulação das Oficinas Culturais do Estado, que agora contam com uma nova identidade e passam a ser denominadas CultSP Pro – Escolas de Profissionais e Empreendedores de Cultura.

A iniciativa vai abranger todo o estado, oferecendo cursos diversificados, adaptados às necessidades de cada segmento cultural, em resposta à crescente demanda por qualificação no setor da indústria criativa. O decreto que reestruturou o programa foi publicado no Diário Oficial do Estado.

Segundo a secretária da Cultura, Economia e Indústria Criativas, Marília Marton, essa transformação foi resultado de um amplo diálogo com diversos segmentos da indústria criativa e gestores culturais. “Identificamos a necessidade de uma nova proposta de formação, que atenda às demandas específicas de cada região do Estado, com cursos que colaborem para a profissionalização e crescimento dos fazedores de Cultura”, ressalta.

Os cursos do CultSP Pro terão carga horária de 16 horas até 128 horas, nas categorias: Artes cênicas, Artes visuais, Audiovisual, Produção de conteúdo e editorial, Música, Museus e espaços culturais, Atividade artesanal, Games e Tecnologia em Artes, Moda, Patrimônio, Gastronomia tradicional brasileira.

Na capital, o polo central do CultSP Pro será o prédio da Oswald de Andrade. Este espaço, que já abriga a São Paulo Companhia de Dança, continuará funcionando normalmente e manterá suas portas abertas para toda a comunidade artística. No interior, o programa chegará por meio de parcerias com as prefeituras.

As aulas terão início em agosto, com a oferta inicial de 100 turmas e 20 diferentes cursos. Para o ano de 2025, a expectativa é ampliar esse número, com 250 turmas e mais de 50 cursos.

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:
https://bit.ly/govspnozap

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *