Obras do novo prédio da Fundação Catarinense de Educação Especial seguem em ritmo acelerado

Fotos: Divulgação FCEE

Já em construção avançada, o novo prédio da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE), em São José, teve seu cronograma de obras definido. Uma reunião foi realizada nesta quarta-feira, 17, entre o secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Jerry Comper, a presidente da FCEE, Jeane Rauh Probst Leite, e membros das equipes técnicas da SIE envolvidas na fiscalização da obra e a equipe técnica da FCEE.

A previsão de entrega para a comunidade é no segundo semestre deste ano. “Nesta reunião realizamos o planejamento das ações e cronograma da execução da obra para conseguirmos, efetivamente, entregar o prédio para a comunidade na data prevista, que é agosto de 2024”, explica a presidente da FCEE.

Secretário da Infraestrutura e presidente da FCEE visitam obra do novo prédio – Divulgação/FCEE

O prédio, localizado na região central do campus da FCEE, possui 6,7 mil metros quadrados e três pavimentos, e já é considerado uma referência em acessibilidade no Brasil. Entre os destaques do projeto estão as 300 placas solares a serem instaladas no telhado, que permitirão a autossuficiência energética do prédio, o Jardim Sensorial no vão central no pavimento térreo e as salas adaptadas para fonoaudiologia com isolamento acústico.

O novo espaço vai abrigar centros de atendimento especializado da FCEE voltados para pessoas com atraso global do desenvolvimento, deficiência (visual, auditiva, intelectual, física e múltipla), transtorno do espectro autista, transtorno do déficit de atenção/hiperatividade e altas habilidades/superdotação. A estrutura suprirá uma necessidade de locais mais adequados e acessíveis para os cerca de 600 atendimentos diários realizados na sede da Fundação.

A Fundação Catarinense de Educação Especial

A FCEE é o órgão do Governo do Estado responsável pela definição e coordenação das políticas de Educação Especial. Em seu campus em São José, na Grande Florianópolis, a Fundação conta com 10 Centros de Atendimento Especializado, que são espaços de estudos, discussões, atendimentos e pesquisas em suas respectivas áreas de atuação.

Em todo o estado, possui parcerias com quase 250 instituições especializadas, como Apaes, Amas, associações de surdos, de deficientes físicos, entre outros. Além dos repasses financeiros para estas instituições, também realiza cursos, capacitações e assessorias técnicas, beneficiando mais de 28 mil educandos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *