Programa Rotas Rurais coloca no mapa 35 mil propriedades que não possuíam CEP em 2023





Cerca de 3 mil km de estradas foram cadastrados neste ano, levando mais cidadania, infraestrutura, segurança e acesso a serviços



O Governo de São Paulo, por meio da Secretaria da Agricultura e Abastecimento, cadastrou, em 2023, o endereço de cerca de 35 mil propriedades rurais com o programa Rotas Rurais.

A iniciativa também “colocou no mapa” 3 mil quilômetros de estradas somente neste ano. A distância equivale aproximadamente ao trajeto entre a capital paulista e a cidade de Santiago, no Chile.

“Temos o maior pacote de políticas públicas para o setor do agro da nossa história. E uma das prioridades é a conectividade do campo, para que o produtor possa utilizar os benefícios da tecnologia. Temos um trabalho junto ao produtor para ele entender o ganho de produtividade que ele pode ter com o uso da tecnologia”, afirma o governador Tarcísio de Freitas;

O cadastro do CEP das propriedades gera uma série de efeitos positivos para os trabalhadores do campo, do acesso à saúde ao aumento da segurança. “O objetivo do Rotas Rurais é trazer dignidade ao produtor, facilita o trabalho de um modo geral, seja no recebimento de insumos ou no envio de suas mercadorias”, explica o secretário de Agricultura e Abastecimento, Guilherme Piai.

O principal foco do programa, desenvolvido de forma pioneira no Brasil pelo Instituto de Economia Agrícola (IEA), é levar mais mobilidade e, consequentemente, competitividade aos produtores paulistas,

Além do endereço codificado, a plataforma disponibiliza mapas logísticos e roteadores interativos que permitirão a localização das rotas de acesso às propriedades, promovendo mobilidade, conectividade, segurança e outras políticas públicas mais eficientes e de transformação social.

O Endereço Rural Digital funciona como uma espécie de CEP rural personalizado, por meio de uma ferramenta do Google, que localiza com precisão a entrada de cada propriedade ou estabelecimento rural.

Em qualquer lugar que o proprietário se encontre, é possível gerar um código exato da localização, que pode ser compartilhado com qualquer pessoa. As informações podem ser utilizadas em aplicativos de navegação como Waze e Google Maps.

Desde que foi implementado, o programa mapeou 57 mil quilômetros de vias e cadastrou o endereço de mais da metade das 415 mil propriedades rurais paulistas, facilitando a sua localização. “Estimamos que aproximadamente 2 milhões de residentes da zona rural foram beneficiados pelo programa até agora”, afirma a coordenadora do Rotas Rurais, Priscilla Fagundes.

A ferramenta inovadora premiada Gov Summit 2023, no quesito “Excelência no uso de Location Intelligence na Gestão Pública”. Neste ano, o Rotas Rurais foi sancionado pela Lei 555, que torna o programa como endereçamento digital oficial da área rural paulista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *